Uma comunidade de pescadores e sua incrível escola

Uma comunidade de pescadores e sua incrível escola

Um pescador costura a rede, sentado perto de uma árvore. Está cercado por estudantes que lhe fazem perguntas, olhos e ouvidos atentos. Pouco tempo antes estes alunos corriam descalços pela areia macia da praia entrelaçando fios de barbante, enquanto placas de barro com escritas cuneiformes secavam dentro da sala de aula, a poucos metros dali. Estas cenas aconteceram durante uma oficina sobre a oralidade das coisas.

Foto: Andréa Dórea

Pés descalços, jogos na areia ou escrita no barro, eventualmente podem fazer parte do cotidiano escolar dos alunos da Escola Municipal Cajaíba, criada para os moradores da comunidade de pescadores Pouso da Cajaíba, em Paraty, Rio de Janeiro. A comunidade possui cerca de noventa famílias e boa parte da população vive da pesca ou do turismo. Para chegar até lá o trajeto de barco saindo de Paraty leva em torno de cinquenta minutos em uma embarcação mais rápida e até duas horas em uma lenta.

Foto: Andréa Dórea

A escola surpreende quem a conhece de perto por seus métodos que estimulam a realização de projetos de literatura, ciências e pesquisas sobre a memória cultural da comunidade, visando sua preservação. Os poucos professores se desdobram ensinando mais de uma disciplina e enfrentam dificuldades diárias como viagens de barco, poucos recursos tecnológicos, apoio financeiro insuficiente e certa resistência aos seus métodos diferenciados de ensino. A alimentação oferecida aos estudantes começa com um café logo cedo antes de iniciarem as aulas, frutas nos intervalos e almoço. Os alunos são tratados com carinho e a escola parece ser uma extensão de suas casas.

Foto: Andréa Dórea

Para quem tem a oportunidade de conhecer o cotidiano da E. M. Cajaíba, fica evidente a criatividade e competência de seus educadores mesmo diante das dificuldades e isto se reflete nos alunos, extremamente comunicativos, hábeis e confiantes. Eles argumentam, criam, escrevem, desenham e montam engenhocas com uma facilidade impressionante. Também são responsáveis por varrer e organizar a sala depois das aulas e o senso de coletividade é muito perceptível no grupo. Nos intervalos correm descalços pela praia, jogam bola ou pulam corda.

Foto: Andréa Dórea

Este é um modelo de ensino que merece ser mostrado como um belo exemplo de educação diferenciada de qualidade, capaz de estimular o potencial dos alunos com o intuito de formar cidadãos conscientes de seu papel social. E tudo isso com poucos recursos. Imaginem se eles recebessem o apoio merecido.

Foto: Andréa Dórea

BIOGRAFIA

Andrea Dórea é artista plástica, fotógrafa, graduada em Letras Espanhol e Literaturas.
Nascida no Rio de Janeiro, viveu em São Paulo, Rio Grande do Sul e atualmente em Paraty, RJ. Desde os anos 90 produz peças artísticas traduzidas em pinturas, desenhos, esculturas e objetos; além de fotografias feitas nas ruas, em grandes eventos ou em apresentações artísticas de dança, música ou teatro. Sua paixão pela literatura a levou a estudar Letras e a produzir contos, crônicas, poemas e relatos. Seu trabalho reflete um interesse profundo pelas questões humanas, artes, educação e cultura.

Deixe seu comentário

Lugares que podem te interessar

view_module reorder

Cachoeira do Nassucar - Cambará do Sul/RS

Localização: Vale do Rio Santana, a 24 km do centro de Cambará do Sul. No Vale do Rio Santana, ao norte...

Cachoeira dos Venâncios - Cambará do Sul/RS


Localização: A 23 Km da cidade, distante 12,5 Km da RS 020. Ver mapa O município de Cambará do Sul, conhecido...

Cachoeira do Tio França - Cambará do Sul/RS

Localizada a 3 Km da cidade de Cambará do Sul, é onde o arroio Campo Bom despenca para formar uma...

Passeando em família pelo Itaimbezinho e Fortaleza - por Valéria de Moraes

Localizados nas proximidades do município de Cambará do Sul, na divisa entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina...

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral

Localização: Cambará do Sul, RS - a 23 km do centro da cidade. Ver mapa Considerado um dos lugares mais bonitos...

Quer saber as novidades na Usina?

Inscreva o seu email na nossa lista e receba por email

Somos contra o spam. Inscrevendo seu email na nossa lista, receberá email emails somente enquanto desejar, a Usina sempre respeitará a sua decisão, deixando sempre disponível no rodapé do email um link para cancelamento a qualquer momento, sem complicações


Parceiros na difusão cultural