Polo Aquático - por Amanda Pessôa

Polo Aquático - por Amanda Pessôa

Parece futebol, mas é jogado com as mãos. Parece voleibol, mas o objetivo é fazer gols. Parece handebol, mas é jogado dentro da água. 

Estou falando do Polo Aquático, uma modalidade Olímpica (pela primeira vez em Paris 1900) cheia de jogadas plásticas, contato físico, muitos gols e grandes emoções. A estreia feminina na competição Olímpica de Polo Aquático aconteceu um século depois dos homens, em Sydney 2000.

No início de sua prática chegou a ser apelidado de "rugby de piscina", pelo constante contato físico. Duas equipes, com sete jogadores cada, se enfrentam na piscina com o objetivo de acertar o gol adversário – vence quem marcar mais vezes.

Os atletas utilizam uma técnica de sustentação para manter-se na água sem afundar, com movimentação circular, giratória e alternada das pernas, essa técnica é chamada de Perna Alternada. 



Para o Polo Aquático os atletas precisam de uniformes: para homens sunga e para mulheres maiô, outro acessório indispensável é a touca: São feitas de nylon e trazem o número de cada jogador na parte lateral e a sigla do país na frente. Quase sempre, uma equipe joga de touca branca, e a outra de touca azul.

Para que a partida aconteça precisa-se da bola, que se assemelha com a de handebol, pesa de 400 gramas a 450 gramas com tamanhos diferentes para feminino e masculino. 

A partida é dividida em quatro quartos de  8 minutos cada, com intervalo entre eles. Uma partida pode durar em média de 55 a 65 minutos. Cada equipe tem 30 segundos para finalizar o ataque ao adversário, caso termine empatado a decisão acontece por meio de tiros de pênalti. 

O jogo inicia-se com as duas equipes encostadas às suas linhas de gols, os jogadores nadam rapidamente para disputar a posse de bola.

Detalhes sobre polo aquático

Veja também as seguintes modalidades olímpicas:

Canoagem Velocidade
Ciclismo BMX,  
Gisnástica artística
Ginástica rítmica
Golfe
Hipismo Saltos
Hipismo CCE
Hipismo Adestramento
Pentatlo Moderno
Polo Aquático
Rugbi
Tiro com arco.

Amanda Pessôa , graduada em Educação Física pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos

 

 

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Voluntariedade: o tornado que arrasou São Chico

Voluntariedade é a palavra que encontramos para descrever essa mistura entre solidariedade e voluntariado, que tanta diferença fez (e está...

Feng Shui e o lado prático da vida - por Fabiana Souza

O Feng Shui é uma técnica oriental de harmonização de ambientes e, como qualquer outra técnica, prevê obediência a certas...

Nem é do Renato - por Franco Vasconcellos

Recebi, em casa, numa dessas noites de frio, oito ou nove adolescentes. Me enlouqueceram durante a semana e organizaram uma...

A assustadora língua do português - por Franco Vasconcellos

Estava eu a tomar uma chávena de chá, quando avistei na montra de sandes, um de fiambre. Peguei a bicha...

Entendendo a base - por Giulia Aimi

Após o uso dele do primer passamos a base, que é um dos produtos mais importantes para a maquiagem. Sua...

Canoagem Velocidade - por Amanda Pessôa

A canoa é o meio de transporte aquático mais antigo de que se tem conhecimento. A modalidade Olímpica Canoagem de...

Composteira caseira - por Roger França

Se você usa composteira ou quer ter uma em sua casa, é importante dar atenção a alguns cuidados básicos. Ela é  uma...

O Eu de uma mirtácea - por Patrícia Viale

Território preservado Já invejei árvores mais nobres. Certo dia um biólogo puxou-me pelas folhas. “Eis uma mirtácea!”. Era ele um recém-formado...

Eu preservo, tu preservas - por Karine Klein

A história do município contada através de acervos históricos particulares  Quando se trata da memória, em São Chico se conjuga o...

Picolé de frutas

Gostoso, saudável e refrescante!!  Ingredientes: 01 pêssego cortado ao meio 02 kiwis descascados e cortados em fatias Pedaços de manga 3/4 de...

Patrocinadores da cultura