"São João" no Porto - por Nathan Camilo

"São João" no Porto - por Nathan Camilo

O mês de junho, em Portugal, é marcado por uma diversidade de festas que celebram os santos populares no país: Santo Antônio, São João, São Pedro e São Paulo. Uma das mais conhecidas internacionalmente é a de São João, realizada no Porto, segunda maior cidade lusitana.

O evento ocorre na noite do dia 23 para o dia 24 de junho. Durante esse período, as ruas do Porto, especialmente na Ribeira, centro histórico da cidade, recebem decoração típica e enchem de pessoas, que comem sardinhas assadas ao som de músicas tradicionais e modernas, compram vasos de manjerico (manjericão) com quadrinhas escritas, pulam fogueira e soltam balões defogo. Estes parecem estrelas vermelhas no céu, especialmente se a festa ocorrer em época de lua cheia.



Uma curiosidade é que os participantes saem às ruas com ramos de alho-porro (alho poró) e martelinhos de plástico, parecidos com o do Chapolin, a batê-los na cabeça dos passantes. Impossível sair da festa sem receber marteladas e dar boas risadas disso...

O auge da celebração se dá à meia-noite, quando as luzes da cidade se apagam e um espetáculo de fogos de artifício ilumina a beira do Rio Douro. Após, os bailaricos seguem em diversos pontos da cidade até o dia raiar.

O feriado local de São João, no dia 24, pode ser aproveitado para conhecer os diversos atrativos. Para quem tem fôlego, subir os 240 degraus da Torre dos Clérigos traz como recompensa uma deslumbrante vista da cidade. Outra boa pedida para ver o Porto de um ângulo muito especial é cruzar o Douro, rumo à Vila Nova de Gaia, embarcar no teleférico e se deleitar com um cenário inesquecível, que convida o viajante a visitar novamente a cidade em outra oportunidade.

 

• Publicado na Revista Usina da cultura - número 08 - Dezembro de 2013

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Vocação, eis a questão! - por Fabiana Souza

No sistema em que vivemos, é comum acreditarmos que um profissional satisfeito é aquele que ganha bem e, assim, poucos...

Construções tridimensionais com “palitos de dente”

Olha que atividade legal de fazer em casa!!! Você vai precisar apenas de massinha colorida e palitos de dente. Além dos...

Dicas de pronúncia - por Aline Aguiar

Gratuito  Pronuncia-se  (gratúito) ou (gratuíto)?  O correto é pronunciar (gra-túi-to), com o acento tônico no “u”,  assim como circuito, muito, intuito...  Recorde Pronuncia-se (récorde)...

Junto ou separado - por Aline Aguiar

ENFIM OU EM FIM? Enfim escreve-se junto por ser um advérbio de tempo e tem o mesmo sentido que “finalmente”. Exemplo: Enfim...

Vivo com problemas ou só tenho dificuldades? - por Mercedes Sanchez

A vida em seu quotidiano nos apresenta dificuldades que temos que contornar. Muitas vezes transformamos as dificuldades em problemas quando não...

Rincão Poético: Verdadeira Paixão - por Diogo Maicon Krevoniz Balduino

Sinto a textura do papelEm minhas mãos,Escrevo cada palavraQue brota de meu coração. Sinto a doce sensaçãoDe liberdade, porqueMinhas palavras contêmPaixão...

As sobrancelhas importam? - por Giulia Aimi

Algumas pessoas acreditam que elas não fazem parte da maquiagem ou sequer fazem diferença no resultado final. Na dica de...

Rincão Poético: Pai um amigo - por Eronilda Cândida Santos Lucena

PAI,UM AMIGO OU CHEFE.   Ser pai é ter responsabilidade  É dividir sonhos e alegrias  Comemorar vitórias e enfrentar derrotas  Sem perder...

Carnaval? Não, obrigada. - por Fabiana Souza

Quem tem um pouco mais de lucidez e tranquilidade na alma se angustia quando chega o Carnaval. A folia, forçada...

Ecologia Profunda • mudando paradigmas - por Telmo Focht

Antes de iniciar, e para esclarecer, um paradigma é um modelo, um padrão, em qualquer área ou ramo do conhecimento...

Patrocinadores da cultura