Fisioterapia Pélvica • Uroginecologia funcional - por Luisa Braga Jorge

Fisioterapia Pélvica • Uroginecologia funcional - por Luisa Braga Jorge

É uma especialidade da Fisioterapia, que tem como objetivo proporcionar uma reeducação perineal dos músculos do assoalho pélvico, buscando tratar ou prevenir disfunções pélvicas. Vários estudos têm mostrado a possibilidade desta intervenção evitar ou postergar procedimentos cirúrgicos, atuando em homens e mulheres, adultos e crianças.

O assoalho pélvico é composto por ossos, músculos, fáscias e ligamentos que tem como principal função suportar os órgãos pélvicos em suas posições anatômicas, manter a continência urinária e fecal e a função sexual. 

Como todos os músculos do corpo necessitam ser trabalhados ao longo da vida para que não haja perda de força e flacidez, o mesmo ocorre com o assoalho pélvico. Por preconceitos, tabus e sentimentos de vergonha, a maioria da população não tem consciência deste músculo, levando ao aparecimento de patologia. “Segundo a organização mundial de saúde(OMS) 30% das mulheres entre 40-55 anos apresentam alguma patologia de assoalho pélvico “.



Principais Disfunções

  • Incontinência urinária; (perda involuntária de urina)
  • Incontinência fecal; (perda involuntária de fezes) 
  • Prolapsos genitais; (descida dos órgãos da pelve) Ex: bexiga caída.
  • Disfunção sexual feminina; (comprometimento do desejo, orgasmo, e/ou dor durante a relação sexual) 
  • Constipação;
  • Dor Pélvica Crônica;
  • Enurese noturna (perda urinária com frequência durante o sono, comum em crianças)
  • Pré e pós operatório de cirurgias pélvicas
  • Gestantes (preparação para o parto ou pós parto afim de obter força e flexibilidade suficientes para um parto tranquilo, livre de cortes ou com rápida recuperação dos mesmos)

O tratamento é baseado em:

  • Exercícios específicos para a região perineal
  • Eletroneuroestimulação muscular;
  • Mudança do estilo de vida;
  • Cuidar bebidas estimulantes da bexiga como: café, chá, suco de laranja, chimarrão;
  • Posicionamento correto para urinar e evacuar: tronco para frente e braços apoiados nos joelhos;
  • Bons hábitos alimentares;
  • Manter postura correta.

Antes de iniciar qualquer tratamento, o ideal é consultar um Fisioterapeuta especializado para identificar o nível de consciência, força e flexibilidade muscular indicado para cada caso.

Luisa Braga Jorge
Formada em Fisioterapia pela PUCRS 2012; Pós Graduada em Fisioterapia Pélvica pela INSPIRAR - CURITIBA 2014.

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Carne cozida ao molho de vinho - por Deise Marques

Ingredientes - 1 colher de manteiga - 2 colheres de azeite de oliva - 800g de filé de carne -...

O Livro dos Abraços - Eduardo Galeano

Tratar a memória como coisa viva, bicho inquieto: assim faz Eduardo Galeano quando escreve. Sua memória pessoal e a nossa...

Campeonato Gaúcho de Rally Regularidade 4x4 definiu campeões em São Francisco de Paula/RS

Após cinco etapas, a competição apresentou seus vencedores nas categorias Graduados, Turismo e Novatos Com uma prova que contou com muita...

Uma paixão chamada antigomobilismo - por Adelar Colombo

Desde criança tenho uma paixão: admirar carros clássicos da minha época e os anteriores a ela, também. Geralmente, todo colecionador de...

Nova Petrópolis

No início do Século XIX, a região sul era um problema de segurança e infra estrutura para o governo central brasileiro recém liberto...

O RS tem uma Arca de tesouros e ela fica em São Chico - por Karine Klein

Fotos: Arca Verde/ Divulgação Eco Vila promove o respeito à natureza e a cultura da colaboração num pequeno pedacinho do paraíso Com...

Sabia que...

... Na Índia, entre 1500 e 500 a.C., os homens eram estritamente proibidos de casar com mulheres ruivas? Não era...

Dreads flutuantes e pés descalços - Andrea Dórea

Já faz algum tempo que tenho ouvido falar dos festivais de música eletrônica que acontecem pelo mundo afora. Tribos diversas...

A Pedra - por Antonio Pereira Apon

Texto: Antonio Pereira Apon. O distraído, nela tropeçou, o bruto a usou como projétil, o empreendedor, usando-a construiu, o campônio, cansado da lida, dela fez...

No coração da Serra Gaúcha

Os fotógrafos gaúchos Ita Kirsch e Bala Blauth, especializados em documentação da natureza e do meio ambiente, registram, nesta obra...

Patrocinadores da cultura