Fisioterapia Pélvica • Uroginecologia funcional - por Luisa Braga Jorge

Fisioterapia Pélvica • Uroginecologia funcional - por Luisa Braga Jorge

É uma especialidade da Fisioterapia, que tem como objetivo proporcionar uma reeducação perineal dos músculos do assoalho pélvico, buscando tratar ou prevenir disfunções pélvicas. Vários estudos têm mostrado a possibilidade desta intervenção evitar ou postergar procedimentos cirúrgicos, atuando em homens e mulheres, adultos e crianças.

O assoalho pélvico é composto por ossos, músculos, fáscias e ligamentos que tem como principal função suportar os órgãos pélvicos em suas posições anatômicas, manter a continência urinária e fecal e a função sexual. 

Como todos os músculos do corpo necessitam ser trabalhados ao longo da vida para que não haja perda de força e flacidez, o mesmo ocorre com o assoalho pélvico. Por preconceitos, tabus e sentimentos de vergonha, a maioria da população não tem consciência deste músculo, levando ao aparecimento de patologia. “Segundo a organização mundial de saúde(OMS) 30% das mulheres entre 40-55 anos apresentam alguma patologia de assoalho pélvico “.



Principais Disfunções

  • Incontinência urinária; (perda involuntária de urina)
  • Incontinência fecal; (perda involuntária de fezes) 
  • Prolapsos genitais; (descida dos órgãos da pelve) Ex: bexiga caída.
  • Disfunção sexual feminina; (comprometimento do desejo, orgasmo, e/ou dor durante a relação sexual) 
  • Constipação;
  • Dor Pélvica Crônica;
  • Enurese noturna (perda urinária com frequência durante o sono, comum em crianças)
  • Pré e pós operatório de cirurgias pélvicas
  • Gestantes (preparação para o parto ou pós parto afim de obter força e flexibilidade suficientes para um parto tranquilo, livre de cortes ou com rápida recuperação dos mesmos)

O tratamento é baseado em:

  • Exercícios específicos para a região perineal
  • Eletroneuroestimulação muscular;
  • Mudança do estilo de vida;
  • Cuidar bebidas estimulantes da bexiga como: café, chá, suco de laranja, chimarrão;
  • Posicionamento correto para urinar e evacuar: tronco para frente e braços apoiados nos joelhos;
  • Bons hábitos alimentares;
  • Manter postura correta.

Antes de iniciar qualquer tratamento, o ideal é consultar um Fisioterapeuta especializado para identificar o nível de consciência, força e flexibilidade muscular indicado para cada caso.

Luisa Braga Jorge
Formada em Fisioterapia pela PUCRS 2012; Pós Graduada em Fisioterapia Pélvica pela INSPIRAR - CURITIBA 2014.

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Rincão Poético: MÃE - Para os que já Perderam / Para os que Ainda as Tem - por Athos Xavier de Brito

Hoje eu sei o que é mãe, pois não tenho mais a minhaE só pode dizer dessas senhorasOutras antes, durante...

Golfe - por Amanda Pessôa

Você sabia? Depois de 112 anos ausente das Olímpiadas o Golfe está de volta. O esporte, que estreou na Olímpiada...

Sabia que...

... O sono em excesso pode ser considerado uma doença? O nome desse problema é narcolepsia, uma doença pouco conhecida...

Voluntariedade: o tornado que arrasou São Chico

Voluntariedade é a palavra que encontramos para descrever essa mistura entre solidariedade e voluntariado, que tanta diferença fez (e está...

Previsões para 2017 - por Fabiana Souza

De acordo com o calendário lunar chinês, o Ano do Galo de Fogo Yin tem início no dia 27 de...

Lixaço - por Rafael Sanches Souza

Um dos conceitos que mais me marcou quando li 1984, do George Orwell, foi o do uso da guerra, que...

MINIMALISMO - Uma ótima alternativa ao consumo desenfreado - por Tânia Quadros da Silva

Eu não me lembro do primeiro texto ou blog que li sobre o minimalismo, lembro que procurava ideias para decorar...

Visual com Arte: Pintura em tela - por Adriana Borella Pessoa

Técnica: Pintura em tela Mistura de técnicas sobre tela de MDF: textura, imagem, tecido e texto Adriana Borella Pessoa Pedagoga e Arte/educadora -...

Obesidade Infantil - por Dr. Luiz Guilherme Darrigo Junior

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a obesidade infantil é, hoje, um dos problemas de saúde pública mais...

Rincão Poético: O Ébrio - por Cristiano Machado Lisboa

Veja o ébrio que em noite fala o seu encanto, Quando ainda canta sua sina sem parar Veja o ébrio...

Patrocinadores da cultura