Lagoinha do Leste - por Thuani Farias

Lagoinha do Leste - por Thuani Farias

Lagoinha do Leste é uma praia localizada na ilha de Florianópolis, em Santa Catarina. Um recinto retirado e em plena harmonia com a natureza. Devido ao seu acesso limitado, mesmo em época de verão, como o carnaval, vimos poucos banhistas explorando seus recursos. Há duas formas de se chegar na Lagoinha, a pé ou de barco.

Para ir a pé, há duas trilhas: uma começa na praia Armação, fica mais longe, porém em seu trajeto há menos obstáculos, com poucos trechos que requerem extrema atenção. A outra trilha começa na praia Pântano Grande, é mais curta, mais conhecida, e a mais difícil de fazer devido ao seu terreno íngreme e rochoso, exige atenção constante ao longo do percurso. A opção para os menos aventureiros são os barcos, encontrados em ambas praias. 

Em Lagoinha encontramos mochileiros dos mais diversos lugares e nacionalidades. É difícil quem não se encante com sua beleza cênica. A praia é protegida por morros que a cercam por todos os lados com sua vegetação praticamente intacta, com áreas rochosas próximas ao mar... Tínhamos a impressão de estar em uma pequena ilha. 

A temperatura da água é fria e na sua jusante, onde a água é mais rasa, nos refrescamos e tomamos um gratificante banho de sol. Ótimo lugar para acampar, há duas nascentes com água potável para consumir, apesar de ser um pouco salobra. Para quem gosta de pescar, a lagoinha, que dá o nome à praia, que desemboca no mar, é rica em peixes de vários tipos, e também para variar o cardápio, há caranguejos escondidos numa na camada de areia. E para quem é vegetariano, há árvores frutíferas nos arredores. O mar, com sua coloração esverdeado e ao mesmo tempo cristalino, logo nos convidou para um mergulho e mesmo a temperatura da água sendo mais fria ao afastar-se da praia, não havia quem se resistisse.

Para quem gosta de caminhar no seu entorno pode se deparar com conchas que embelezam a beira da praia ou com gaivotas na espreita em busca de alimentos. 

Uma curiosidade interessante a respeito da Lagoinha são os seus dois moradores. Um é ex-soldado militar e reside na praia há dois anos. Este com frequência presta auxilio aos viajantes e se mantém com doações. E o outro morador que está há mais de vinte anos em Lagoinha, dono de um modesto “bar”, onde vende diversas bebidas. 

Quem ainda não conhece essa belíssima praia catarinense, saiba que vale o esforço. É um retiro que se consegue realizar com um custo baixo e voltar com uma satisfação que não tem preço! 

Thuani Farias 

 

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Carlos e Valéria - por Franco Vasconcellos

Era janeiro. As árvores da Júlio de Castilhos ainda mostravam-se verdes. Saímos de casa junto com o caminhão da mudança...

Timidez na Infância: Limite entre o “normal” e o “patológico” - por Thainá Rocha

Algumas famílias têm como ideal uma criança desinibida e comunicativa, porém é preciso respeitar os traços da personalidade daquela que...

As praias de água doce - por Elena Cárdenas

“Se estamos no verão...”, é parte da letra da música “Cantada”, de Adriana Calcanhotto. No outro lado do Atlântico, estamos...

Plantas Medicinais – uma farmácia a céu aberto, e pode estar em nosso quintal! Parte 2 - por Telmo Focht

Na publicação passada, comentamos sobre a primeira parte de algumas plantas medicinais aqui em São Chico. Vamos aproveitar a carona...

Livro - Vingança Mortal

Ao receber uma ligação sobre a morte de sua melhor amiga, Brenda volta a sua cidade natal, Lageado Grande. Lá...

Alienação Parental - Uma patologia psicológica, social e jurídica - por Diovana Hoffmann

Atualmente, tem sido comum encontrarmos pessoas ingressando com ações contra os pais, pedindo valor monetário para compensar a ausência de...

Filme - 12 Anos de Escravidão

Direção: Steve McQueen Ano: 2014 Gênero: Drama, Histórico Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor) é um escravo liberto, que vive em paz ao...

A Pedra - por Antonio Pereira Apon

Texto: Antonio Pereira Apon. O distraído, nela tropeçou, o bruto a usou como projétil, o empreendedor, usando-a construiu, o campônio, cansado da lida, dela fez...

Nado sincronizado - por Amanda Pessôa

Já pensou nadar, decorar uma coreografia e ainda entrar em sincronia com sua equipe? Esse é o NADO SINCRONIZADO outra...

Construção verde · Um novo olhar, uma nova forma de viver - por Alejandro Gimer

A construção verde não é somente uma forma de arquitetura. Ela vai além... parte da reflexão, da mudança do olhar...

Patrocinadores da cultura