Cooperar ao invés de competir - por Mercedes Sanchez

Cooperar ao invés de competir - por Mercedes Sanchez

Quando se persegue um mesmo objetivo em parceria com outras pessoas, a forma de conseguir realizar esse objetivo é trabalhar juntos, cooperando ao invés de competindo. É como no campo de futebol, onde quem fez o gol é tão importante, quanto quem fez o passe correto. Se um deles falha, acabam falhando os dois e toda a equipe.

A interdependência positiva possibilita a aprendizagem cooperativa. Quando cada membro do grupo percebe que cada um tem algo exclusivo para contribuir ao esforço em conjunto, devido à informação com que conta, a função que desempenha e a sua responsabilidade na tarefa, o grupo cresce e se desenvolve.

Em um grupo de trabalho, há diferentes funções a serem executadas. Como fazer para que cada membro do grupo execute sua função da melhor maneira possível sem esperar, por isso, sobressair ante os demais?

Para realizar um trabalho de grupo eficiente devemos primeiro centrar o trabalho dos participantes em potencializar o desenvolvimento individual da “inteligência interpessoal” (mais conhecido como empatia) através da interação social entre os membros do grupo. Mediante a exposição e debate do ponto de vista de cada um se gera o tempo e o espaço para que cada membro desenvolva em si as competências necessárias à construção de um feedback construtivo.



Através de socialização, se aprende a negociar, levando em conta o ponto de vista dos outros, ou mesmo a desistir de seus interesses pesso- ais para um objetivo coletivo. Sair do esquema de competição, para o de colaboração, requer comprometer-se consigo mesmo a fazer a sua parte da melhor forma possível, sendo interdependente com os outros membros da equipe.

Qualquer que seja o tipo de grupo, alunos da escola, empresa, professores, sociedades beneficentes, médicos, etc., a colaboração deve ser trabalhada e estimulada, pois a sociedade, em geral, se movimenta mais pela competição que pela colaboração, pois ainda se premia mais as individualidades, as figuras sociais e não a equipe, criando um sistema competitivo e não colaborativo.

Este sistema de colaboração pode ser aplicado em qualquer grupo que desenvolva objetivos em comum. Hoje trabalhamos e produzimos em interdependência. Sair de uma atitude competitiva para uma colaborativa, pode nos ajudar a dar esse salto quântico que, como seres humanos, precisamos dar para melhorar as relações interdependentes em nosso planeta, respeitando a cada um, valorizando seu esforço e contribuindo com o grupo, sem esperar por isso, sobressair sobre os demais.

A cooperação é uma forma de unir pessoas e reforçar a confiança em si mesmo, melhorando a autoestima.

Libertar ao ser, para ser criativo e construir o novo. Sentir-nos parte do desenvolvimento da sociedade, criar juntos a sociedade que queremos pode nos ajudar a superar a indiferença e o egoísmo que predomina nas sociedades atuais.

Por isso, pensar em colaboração em lugar de competição, pode ser benéfico se nos damos conta de que juntos, como sociedade, estamos criando as bases da sociedade futura.

Mercedes Sánchez
Educadora de longa trajetória na educação brasileira, com a constante preocupação de procurar meios que possibilitem o desenvolvimento do ser humano. 

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Todo dia é dia DELA! - por Celina Valderez

Em Março celebramos o Dia Mundial da Água - elemento fundamental para todas as formas de vida, mas é no...

Citação - por Cassio Schaefer

Não tenho boas palavras para um aborto o homem anda numa nevasca terrível congelando até sua alma de pescador trás...

Atividades - Peso de pedra para papéis

Que tal fazer um peso de pedra, para papéis, com um desenho bem bonito? Você vai precisar de: • Uma pedra...

Feng Shui e o lado prático da vida - por Fabiana Souza

O Feng Shui é uma técnica oriental de harmonização de ambientes e, como qualquer outra técnica, prevê obediência a certas...

Carne cozida ao molho de vinho - por Deise Marques

Ingredientes - 1 colher de manteiga - 2 colheres de azeite de oliva - 800g de filé de carne -...

ATENÇÃO! Cuidados com abelhas, vespas e marimbondos

O Calor e a florada influenciam no surgimento de enxames itinerantes e no aumento de número de insetos nas colmeias...

Filme - Eu maior

Direção: Fernando Schultz, Paulo Schultz Ano: 2013Categoria/Gênero: Documentário                                 O documentário é uma reflexão coletiva através de entrevistas com pessoas de diferentes...

Atividades - Carimbo de batata

Você está em casa, sem ideias do que fazer? Que tal esse CARIMBO DE BATATA? Com criatividade, dá para inventar...

Arquitetura em terra - por Alejandro Gimer

A construção verde tem como principal característica utilizar recursos sustentáveis, que não agridam nosso sistema. Além disso, é um investimento...

Ressocializar e fazer o bem - por Karine Klein

Crédito foto principal: Silvio Kronbauer -  Parceria entre a ONG Amigos de Rua e o Presídio de São Francisco de Paula...

Patrocinadores da cultura