São Jorge, Goiás - por Glauber Vieira Ferreira

São Jorge, Goiás - por Glauber Vieira Ferreira

  • São Jorge é um povoado do norte goiano, pertencente à Alto Paraíso de Goiás. Não chega a mil habitantes e é muito visitada por brasilienses, por ser a porta de entrada do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. No interior do parque, guias são obrigatórios e podem ser feitas dois tipos de trilhas, as que priorizam os cânions e as que dão prioridade às cachoeiras.


Outros lugares interessantes próximos são as cachoeiras Almécegas, São Bento, Raizama, Morada do Sol, além da Serra da Baleia. Contudo, muitos visitam o povoado sem a intenção de entrar no parque. A própria vila é uma atração em si, com seus bistrôs charmosos, pousadas, lojas de artesanato e a Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge. Além disso, há uma aura de misticismo pairando sobre o lugar, que se reflete em atividades como yoga e meditação. Nas suas proximidades, o mais famoso de seus pontos turísticos é o Vale da Lua, caracterizado por pedras cinzentas ao redor de um rio, possuindo esse nome por lembrar a superfície da Lua.




São Jorge tinha o nome de Baixa (por estar localizado em um local mais baixo que Alto Paraíso), e era formado por garimpeiros que viviam da subtração de cristais, mercado que oscilou muito a partir de 1951. A troca de nome para o do santo surgiu por sugestão de um morador, a fim de elevar a autoestima dos habitantes, pois São Jorge vive no alto, e eles viviam na baixa...
São Jorge também sedia o Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros, e em julho de 2015 acontece a 15a edição. Durante alguns dias, há apresentação de grupos de danças, como catira e congo, apresentações musicais e oficinas de cultura.
O povoado dista cerca de 230 km de Brasília. Para chegar, pega-se a BR 010 até Alto Paraíso de Goiás, de onde se acessa a entrada para a vila. De alto Paraíso a São Jorge são 36 km.

Glauber Vieira Ferreira


• Publicado na Revista Usina da Cultura - número 24 - Maio de 2015

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Campos de Cima da Serra – um lugar para ver e se encantar - por Telmo Focht

Esta região está situada no nordeste do Rio Grande do Sul, em altitudes entre 900 metros, a oeste, e 1.200...

Gratidão - por Mercedes Sanchez

Gratidão à vida por ter-me permitido viver aprendendo. Aprender que tudo passa abriu minha mente e coração para viver o...

Rincão Poético: Navego - por Nelson Luiz Pedra

Navego... Nem todo dia as águas são calmasTempestades açoitam a rotinaEntão às vezes paro e sonho parame fortalecerPois a vida...

A importância da alimentação adequada - por Fabiana Souza

Quando eu nasci, meu pai já padecia os males de uma saúde frágil. Aos 18 anos, ainda no quartel, ele...

StreuSelkuchen - Torta de crocante - por Bartira Maues

Ingredientes Massa 01 ovo 1/2 copo de açúcar 1/2 pitada de sal 1/2 copo de leite morno 1/4 copo de óleo...

Alfajor Argentino

Alfajor é tradição na Argentina, tem em todos os lugares! Inclusive, não pode faltar em festas de aniversário e reuniões...

O orfanato da Srta. Peregrine para crianças peculiares • Ransom Riggs - por Isabela Sanchez

Jacob Portman é um garoto que desde pequeno sonha acordado com as histórias de infância de seu avô, mas a...

Torta fria de atum - por Rosangela Valim Traslatti

Ingredientes: 1 Pão de sanduíche 2 Latas de atum 1 Vidro de maionese (500 g) 1 Vidro de pepino em...

Conheça os selecionados para o 26º Ronco do Bugio

Completando 26 anos de história, o Ronco do Bugio está de volta nos dias 1 e 2 de setembro celebrando...

A Crônica da Vez: Sobre a vida e sobre o tempo - por Mateus Barcelos

Disseram sobre o tempo....que é um tempo de transições, de navegações (na internet)..., de redes (sociais), de livros de rostos...

Patrocinadores da cultura