Mata de Araucária, uma floresta em nosso quintal - por Telmo Focht

Mata de Araucária, uma floresta em nosso quintal - por Telmo Focht

Também é conhecida como Floresta Ombrófila Mista. É uma formação vegetal brasileira que se desenvolve especialmente nos estados da Região Sul do país e nas partes mais elevadas e frias do Sudeste. Desde 2006, pela lei federal 11428, é considerado um bioma associado à Mata Atlântica (bioma é o conjunto de diferentes ecossistemas terrestres de fisionomia semelhante, mas em graus de desenvolvimento distintos). Esse tipo de vegetação está adaptado ao clima subtropical que possui verões quentes e invernos rigorosos com chuvas bem distribuídas durante o ano. Além disso, o relevo influencia, uma vez que esse tipo de vegetação prolifera em áreas que se encontram no mínimo 500 metros acima do nível do mar. A espécie que fisionomicamente predomina na região é a Araucaria augustifolia (araucária ou pinheiro-do-paraná) - daí o nome do bioma -, e era encontrada com abundância no passado. A vegetação é constituída também por arbustos, como samambaias, xaxins e gramíneas. Atualmente no Brasil restaram restritas áreas preservadas.



As folhas são estreitas e compridas e sua estrutura vegetativa é bastante homogênea, pois não há grandes variações nos indivíduos de araucárias, além de se localizarem espaçadas umas das outras. As araucárias atingem até 50 metros de altura e produzem sementes comestíveis, denominadas pinhão, alimento para várias espécies de pequenos roedores e aves. No bioma há vários tipos de canelas, cedro, ipês, erva-mate e imbuia. Das espécies que o constituem, treze são endêmicas (encontradas apenas em determinadas áreas ou regiões geográficas). Apesar de sua extrema importância ecológica, esse bioma foi intensamente devastado pela ocupação urbana, extração de madeira e agropecuária, de modo que, atualmente, a porcentagem de mata preservada não chega a 2%. Do pouco que restou dessa formação, apenas 40.774 hectares se encontram legalmente protegidos em 17 Unidades de Conservação, perfazendo um total de 0,22% da área original. Infelizmente, o bioma corre sério risco de extinção.

Fonte: http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/mata-araucaria.htm

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Quem sou eu? - por Mercedes Sanchez

“Posso ter a surpresa de descobrir que dediquei minha vida a viver na superfície, na periferia das coisas, sem penetrar...

Pé de Moleque de Brigadeiro - por Beatriz Ludvig

- 500g de amendoim descascado e torrado  - 1 lata de leite condensado - 2 colh. de chocolate em pó...

Rincão Poetico: Vou Continuar - por Iva da Silva

Vou continuar, Lançando minhas sementes ao vento, Que voem para pontos incertos, Que caiam no alto mar, Que cheguem em...

Sabia que...

... Uma das paixões de Elvis Presley era o sanduíche de pasta de amendoim? Dizem que, em uma das turnês...

Cuide a luz nas suas fotos - por Silvio Kronbauer

Veja a seguir dicas simples de como ajustar a luminosidade para que suas fotos saiam ainda mais bonitas.Algo que incomoda...

Livro - Uma visão de mundo - por Elma Sant’ Ana

Uma visão de mundo Jõao Fabrício de Morais / Elma Sant’ Ana  “ Dr. JOÃO FABRÍCIO DE MORAIS, missioneiro de São Luiz...

Vamos dialogar? - por Mercedes Sanchez

O diálogo é uma das melhores ferramentas para estabelecer uma relação harmônica e equilibrada com os que nos rodeiam. Todos dialogamos...

Você toma refrigerante? - por Fabíola Frezza Andríola

Se imagine em um dia muito quente, você está suando, com calor... Agora me responda: o que você pensa em...

Vamos refletir! - por Mercedes Sanchez

Chegam a festas de fim de ano e a hora de fazer uma reflexão de como vivemos o ano que...

A Política Cidadã - por Sérgio Marino

Este ano, estivemos, mais uma vez, em época de exercício "pleno" da democracia no Brasil e orgulhosos de vivermos em...

Patrocinadores da cultura