Organismos extremófilos - por Telmo Focht

Organismos extremófilos - por Telmo Focht

São microrganismos que vivem em ambientes com condições extremas, insuportáveis à maioria dos seres vivos.

As primeiras células simples foram possivelmente termofílicas. Acredita-se que se desenvolveram em locais com atividade vulcânica (como gêiseres) e nas cristas meso-oceânicas.

Podem ser:

Termófilos, vivem em ambientes com temperaturas entre 70-120ºC, como nas fontes hidrotermais oceânicas de origem vulcânica (por exemplo, nos campos termais situados ao sul dos Açores, na cadeia montanhosa submarina denominada Cordilheira Meso Atlântica);

Acidófilos, vivem em meios muito ácidos;

Alcalófilos, vivem em meios muito alcalinos (como a soda cáustica);

Psicrófilos, vivem em temperaturas muito baixas do Ártico e da Antártica;

Halófilos, vivem nas salinas ou locais de salinidade muito elevada (exemplo: a bactéria Halobacterium halobium);

Barófilos, vivem sob pressões elevadíssimas, como nas fossas submarinas, a muitos quilômetros de profundidade.

Há organismos que combinam mais de um tipo de extremofilia. Um deles foi isolado nos Açores e é termo-halófilo, isto é, está adaptado a elevados teores de sal e temperaturas; outro é termo-acidófilo, por estar adaptado a temperaturas elevadas (80º) e de meios ácidos, de pH=2.

A bactéria Deinococcus radiodurans é considerada a mais resistente do mundo, pois suporta quantidades de radiação extremamente altas, como 15.000 Grays (Gy). Um ser humano não sobrevive a 10 Gy. Na verdade, ela é exemplar em muitos aspectos, englobando também a capacidade de sobreviver ao frio, à desidratação, ao vácuo e ao ácido.

As condições em que vivem os extremófilos, letais para os humanos, fazem com que muitos investigadores estudem a biologia e a bioquímica destes organismos. Por exemplo, a maioria das enzimas degradam-se aos 40-50ºC, mas as enzimas dos extremófilos não.

Considerando-se que estas criaturas não apenas revelam uma resistência impressionante na Terra, também demonstram possibilidades de vida em outros lugares do universo.

Fontes: http://2010.flmid.com/http://hypescience.com/extremofilos-8-formas-de-vida-bizarras/

 

Telmo Focht, biólogo, com doutorado em espécies exóticas invasoras. Também atua na área de licenciamentos ambientais.

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Deixe seu comentário

Lugares que podem te interessar

view_module reorder

Cachoeira do Nassucar - Cambará do Sul/RS

Localização: Vale do Rio Santana, a 24 km do centro de Cambará do Sul. No Vale do Rio Santana, ao norte...

Lajeado das Margaridas - Cambará do Sul/RS

Localização: 12 km do centro de Cambará do Sul O Lajeado das Margaridas está localizado a 12Km do centro de Cambará do...

Passeando em família pelo Itaimbezinho e Fortaleza - por Valéria de Moraes

Localizados nas proximidades do município de Cambará do Sul, na divisa entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina...

Cachoeira dos Venâncios - Cambará do Sul/RS


Localização: A 23 Km da cidade, distante 12,5 Km da RS 020. Ver mapa O município de Cambará do Sul, conhecido...

Cânion Churriado - Parque Nacional da Serra Geral

Localização: Parque Nacional da Serra Geral, o cânion está a 23 quilômetros de Cambará do Sul, RS. Localizado a 23 Km de...

Quer saber as novidades na Usina?

Inscreva o seu email na nossa lista e receba por email

Somos contra o spam. Inscrevendo seu email na nossa lista, receberá email emails somente enquanto desejar, a Usina sempre respeitará a sua decisão, deixando sempre disponível no rodapé do email um link para cancelamento a qualquer momento, sem complicações


Parceiros na difusão cultural