Austrália, meu bem querer! - por Fernanda Mumbach

Austrália, meu bem querer! - por Fernanda Mumbach

Imagino o mundo sem poder viajar, aff, não seríamos tão felizes. Gracias Santos Dumont, guerreiro da aviação, que ligou as veias do mundão. Minha gratidão!

Um dia, ainda adolescente, sonhei ser comissária de voo. E, não bastando, idealizei sair fora do Brasil e conhecer uma outra cultura, língua e pessoas. Como seriam os costumes, vida, afazeres e belezas desse novo lugar? Comecei pelo sonho pioneiro e fui atrás de uma vida cheia de decolagens e pousos. Logo após, me deparo com um lugar desconhecido, totalmente by my self. Ufa, cheguei, legal! Aqui tudo é maravilho! E agora, o que eu faço se só sei dizer to be or not to be? (rsrs). E, se duvidar, falando errado.
Tirei um visto de estudante que me deu direito a ficar na Austrália por 4 meses e garantir minha passagem de volta. Prorroguei a volta e fiquei um ano. Fui eu, atrás de vida, saúde, praia, sonhos e realizações. A Austrália me foi sugerida e eu amei a experiência! Foi um ano de grandes encontros. Brasileiros fora do Brasil Praias e campos misturados, cangurus selvagens, coalas fofinhos!





Meu primeiro trabalho foi na pizzaria de um armênio, onde fazia um pouco de tudo. Delivery de pizzas, cozinhava, atendia o restaurante, limpeza e até pedidos ao telefone eu arrisquei! Simples, mas para uma iniciante brasileira, foi meu ápice! Bah, já me sinto nativa. E foi quando comecei a entender, a me comunicar e a me expressar em inglês. Delícia quando você consegue conquistar seu objetivo. É um momento de realização! E por aí vai, segue o rumo de vida Australiana, outros trabalhos, mais amigos, encontros, aprendizado e realizações.

Fica a minha dica sobre o sentido da vida: é correr riscos, viver intensamente e ir atrás de algo que tenha sentido e valor para você, seja a sua carreira profissional, encontrar amigos, viver um amor! O sentido da vida é viver com tesão!

Hoje, sou muito feliz em São Chico!

Fernanda Mumbach

Conte-nos sobre algum lugar que visitou!
Envie para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Mais info www.usinadacultura.com

• Publicado na Revista Usina da Cultura - número 31 - Dezembro de 2015

O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

Os Reis Magos do Oriente - por Elena Cárdenas

Muitas são as tradições celebradas em todo o mundo durante a época natalina. Nos últimos anos a tradição do Papai...

Inaugurado Mezanino da Biblioteca Pública Cyro Martins e Exposição Linha do Tempo- Gramado/RS

No mezanino da Biblioteca Cyro Martins, foi criado um espaço para a divulgação de livros que serão divulgados no 7º...

Prevenindo as complicações do câncer de próstata: Novembro azul! - por Luisa Braga Jorge

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens. Mais do que qualquer outro tipo...

Alienação Parental - Uma patologia psicológica, social e jurídica - por Diovana Hoffmann

Atualmente, tem sido comum encontrarmos pessoas ingressando com ações contra os pais, pedindo valor monetário para compensar a ausência de...

Arco-Jesus-Íris - por JackMichel

Na colorida época do Flower Power Satanás decide visitar o arco-íris psicodélico de Jesus Cristo e, lá chegando, o louro...

Campeonato Gaúcho de Rally Regularidade 4x4 definiu campeões em São Francisco de Paula/RS

Após cinco etapas, a competição apresentou seus vencedores nas categorias Graduados, Turismo e Novatos Com uma prova que contou com muita...

A importância da alimentação adequada - por Fabiana Souza

Quando eu nasci, meu pai já padecia os males de uma saúde frágil. Aos 18 anos, ainda no quartel, ele...

Lá em Berlim - por Elena Cárdenas

¡Ya ha pasado un mes desde que llegué a Berlín! Un nuevo país, una nueva ciudad, y un nuevo lugar...

Amigos de Casa e de Rua - por Celina Valderez

Os animais domésticos, cães e gatos especialmente, estão se tornando cada vez mais presentes na sociedade. A superpopulação é um...

Rincão Poético: Noite de Frio - por Antônio Moacir Oliveira

É noite de inverno E a neve acumulando Eu ouço um gemido É o bugio que tá roncando Eu ouço...

Patrocinadores da cultura