Os três estilos de Hipismo - por Amanda Pessôa

Os três estilos de Hipismo - por Amanda Pessôa

Aos apaixonados por cavalos, aí vai três modalidades Olímpicas distintas, mas semelhantes: HIPISMO ADESTRAMENTO, HIPISMO SALTOS E HIPISMO CCE. Esportes com alto requinte e sofisticação, tornando o cavalo e o cavaleiro em um só. Os cavalos recebem tratamento vip: correm na esteira, ganham massagens, sessões de fisioterapia e acupuntura entre as provas. 


O Hipismo surgiu na Grécia Antiga, onde o povo defendia o movimento natural e disciplinado dos cavalos. Militares promoviam disputas para testar como seus cavalos reagiriam a situações diversas. Em 1729 surgiu a Escola Espanhola de Equitação de Viena, referência para o adestramento até a atualidade. A estreia das três modalidades do esporte foi em Estocolmo, em 1912. A Alemanha é referência de vitórias em Olimpíadas. 
O hipismo é o único esporte Olímpico em que homens e mulheres (cavaleiros e amazonas), competem juntos, em total igualdade de condições. Existem provas individuais e por equipes. 
Hipismo Adestramento: Sem emitir qualquer som, o cavaleiro deve conduzir o cavalo para executar movimentos obrigatórios, como passos, trotes e galopes, e livres, coreografados ao som de uma música. Diante da elegância das apresentações e da cumplicidade entre os cavaleiros e os cavalos, o adestramento é conhecido como o “balé do hipismo”. 


Sete juízes espalhados pela arena avaliam a precisão dos movimentos, com notas de 0 a 1. Até os menores detalhes como a posição da cabeça dos cavalos são observados, e os erros são informados por meio de sinos. Após três erros, o cavaleiro é eliminado.
Hipismo Saltos: Completar o percurso, que tem de 8 a 12 obstáculos, no menor tempo possível e sem cometer falhas. Algumas infrações são eliminatórias, como a queda do cavalo ou cavaleiro. 
Hipismo CCE (concurso completo de equitação): Completar três provas de equitação – adestramento, cross country e saltos – com o menor número de faltas possível.
Considerado o “triatlo equestre”, é a disputa mais exigente do hipismo. Cada uma das provas é disputada em dias diferentes.
Essa prova reúne as duas anteriores juntamente com a cross country, que é realizado em um percurso ao ar livre de aproximadamente 6.800m, repleto de obstáculos, como troncos, água, cercas, subidas e descidas. O trajeto, de 40 a 45 saltos, deve ser realizado dentro do tempo cedido e com o menor número de faltas.


Veja também as seguintes modalidades olímpicas:

Canoagem Velocidade
Ciclismo BMX,  
Gisnástica artística
Ginástica rítmica
Golfe
Hipismo Saltos
Hipismo CCE
Hipismo Adestramento
Pentatlo Moderno
Polo Aquático
Rugbi
Tiro com arco.

Amanda Pessôa , graduada em Educação Física pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Deixe seu comentário

Lugares que podem te interessar

view_module reorder

Lajeado das Margaridas - Cambará do Sul/RS

Localização: 12 km do centro de Cambará do Sul O Lajeado das Margaridas está localizado a 12Km do centro de Cambará do...

Passeando em família pelo Itaimbezinho e Fortaleza - por Valéria de Moraes

Localizados nas proximidades do município de Cambará do Sul, na divisa entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina...

Cachoeira do Nassucar - Cambará do Sul/RS

Localização: Vale do Rio Santana, a 24 km do centro de Cambará do Sul. No Vale do Rio Santana, ao norte...

Cachoeira do Tio França - Cambará do Sul/RS

Localizada a 3 Km da cidade de Cambará do Sul, é onde o arroio Campo Bom despenca para formar uma...

Cachoeira dos Venâncios - Cambará do Sul/RS


Localização: A 23 Km da cidade, distante 12,5 Km da RS 020. Ver mapa O município de Cambará do Sul, conhecido...

Quer saber as novidades na Usina?

Inscreva o seu email na nossa lista e receba por email

Somos contra o spam. Inscrevendo seu email na nossa lista, receberá email emails somente enquanto desejar, a Usina sempre respeitará a sua decisão, deixando sempre disponível no rodapé do email um link para cancelamento a qualquer momento, sem complicações


Parceiros na difusão cultural