Rincão Poético: Cafeína - por Mairan Carniel Beren

Rincão Poético: Cafeína - por Mairan Carniel Beren

Um vício, talvez mais que isso
Não importa maldade pro coração
Taquicardia imponente,
Amarelados dentes estridentes
Apesar de lindos sorrisos, minha luta contra ela
Está interessante, linda como um carvão empoeirado
Saborosa como sexo alienado,
Cheirosa como uma virgem renegada
Ela liga-se covalentemente aos meus átomos
Liberando prazerosas substâncias
Que ardem de tesão minhas sólidas certezas
O tipo e a marca não interessam,
Sobrepujam minha vontade consciente
Ela é MINHA cafeína eminente!

Mairan Carniel Beren 
São Francisco de Paula



O que achou, foi útil para você? Então conta pra nós!

Artigos que podem te interessar

view_module reorder

No todos los festivales son de música - por Elena Cárdenas

Al escuchar la palabra “festival” es fácil pensar en grandes eventos de música o quizás teatro. Sin embargo hace poco...

Para você ser feliz aos domingos - por Karine Klein

Encontre um trabalho que você ame. É sério. Corra atrás de algo que verdadeiramente faz seus olhos brilharem. Se não...

Sob medida - por Tiago Oliveira da Costa

“Uma TV a cada dez metros quadrados, a programação diáriaOs partidos políticos, as promessas em tempos de eleição As propagandas...

Rincão Poético: Desfolhando - por Angélica Mattos

E eis que o tempo não muito brando, Foi passando, passando, E o vento nada amigo, ventando, ventando, E solitário...

Como viver o AGORA? - por Mercedes Sanchez

Viver o agora é estar presente no presente. Raramente estamos integralmente no momento presente, pois nossas emoções, lembranças ou projeções interferem...

Aliviemos nossos fardos - por Franco Vasconcellos

Passei um tempão sem escrever aqui. Tanta correria e atropelos me impediam. Creio que esses meses sabáticos serviram para colocar...

Aplicando Blush - por Giulia Aimi

O blush é um dos itens mais delicados na hora de finalizar a make. É muito fácil ficar com aquela...

Um passeio pela Roma Antiga - por Mercedes Sanchez

Presente de Aniversário. Que maravilha! Duas passagens para Roma com estadia incluída. Um sonho feito realidade. Chegamos a cidade dos Césares...

Verde-maduro - por Maria do Carmo Ferreira

Verde-maduro- Deu. Muita.Era o que queríamos. Da negociação insistente vinha a autorização comemorada. Num segundo a turma estava pronta. Quando...

São Francisco de Paula

Porta de entrada da Rota dos Campos de Cima da Serra ou ponto final da Rota Romântica, São Chico, como...

Patrocinadores da cultura